Lorem ipsum dolor amet, consectetuer adipiscing elit. Aenean commodo ligula eget dolor massa. Cum sociis natoque penatibus et magnis dis parturient montes, nascetur ridiculus mus.

Baker

Follow Us:
+39 02 87 21 43 19
Mon - Fri: 07:00 am - 05:00 pm

Blog

Descubra os 9 erros cometidos por Lojas de Embalagens que impactam diretamente nas vendas

12 dicas para melhorar o desempenho da sua loja de embalagens e vender mais

Ter uma loja de embalagens envolve uma série de desafios, já que qualquer detalhe pode impactar nas vendas e fazer diferença para se destacar em meio a tanta concorrência.

Para que você consiga entender quais são esses “detalhes”, montamos esse post com 12 erros cometidos por lojistas do segmento: 

1 – Falta de organização e setorização

Se a sua loja anda desorganizada, é hora de rever esse quesito ou você pode ter graves consequências em sua lucratividade. Isso porque a desorganização impacta na impressão que o seu cliente tem da sua empresa, e na produtividade da sua equipe. 

Corredores bagunçados, falta de lógica no armazenamento dos produtos, desleixo com etiquetas são só alguns dos pontos que podem deixar os consumidores frustrados com a experiência de compra.

Você provavelmente não gosta de entrar em uma loja bagunçada, por que o seu cliente gostaria? Além disso, é bastante importante lembrar que é difícil manter o controle da rotina de trabalho e principalmente mensurar os resultados quando a sua loja é desorganizada. Isso quer dizer que até mesmo os seus funcionários vão perder em produtividade quando há falta de organização e setorização de produtos.

Dica rápidas de organização:

  • Organize e agrupe seus produtos por linhas, segmentos de mercado e até por vendas casadas, ou seja, produtos que se complementam um ao outro e que podem ajudar na compra dos seus clientes que buscam por exemplo: descartáveis para escritório, descartáveis para marmitas e destacáveis para lanches. Facilitando assim a compra de um mix completo em sua loja.
  • Cuide da quantidade de produtos nas prateleiras, assegure que nada vai cair sobre os seus clientes.
  • Use técnicas de exposição, como: criação de ponto focal, massificação para produtos promocionados, agrupamentos e regras de triangulação.

2 – Não ter processo de compras bem definido

O processo de compras é importantíssimo, já que são os resultados disso que vão suprir as necessidades da sua loja de embalagens e atender melhor seus clientes ou não, já que erros nesse percurso podem afetar negativamente também, trazendo gastos desnecessários.

Por isso, você deve realizar essa tarefa da forma mais eficaz possível, com estratégias que facilitem o processo. E para a otimização disso, é fundamental ter um padrão de processo de compras, assim você saberá com mais precisão as decisões que deve tomar sempre.

Cada loja possui suas necessidades específicas, mas existem algumas regras gerais que podem te auxiliar a descobrir o seu processo de compras:

  • Determinar responsáveis para fazer as compras
  • Desenvolver políticas neste departamento
  • Estabelecer procedimentos fixos
  • Criar um sistema de pedidos de compras
  • Definir limites de estoque.
  • Ter uma lista de fornecedores de confiança.
  • Identificar as principais necessidades.
  • Fazer diferentes orçamentos para chegar no ideal.
  • Ter uma gestão efetiva do seu estoque, para que você possa acompanhar quais são os produtos que não podem faltar na sua loja.
  • Acompanhe as tendências e novidades do seu mercado, para que você não perca oportunidades de trazer novidades e lançamentos para os seus clientes.

Aproveite para ler: 5 DICAS DE GESTÃO E CONTROLE DE ESTOQUE PARA LOJAS DE EMBALAGENS

3 – Não ter fornecedores que atendam a sua demanda

Como citamos acima, o processo de compras é muito importante e para que esse processo funcione é essencial que você tenha fornecedores de confiança que atendam a demanda da sua loja.

Faça uma pesquisa de fornecedores, tire suas dúvidas, preze pela confiança e bom atendimento, solicite amostras e assegure que os produtos são de qualidade, faça orçamentos e depois com todas essas informações ficará muito mais fácil conseguir decidir qual o melhor fornecedor e contrato a ser efetuado.

4 – Não conhecer seu público alvo

E de nada adianta ter um processo de compra e fornecedores de confiança, sem conhecer o seu público alvo. Pois é através do perfil de seus clientes que você irá saber quais as principais atitudes a tomar dentro da organização do seu negócio.

DICA: Uma loja de embalagens costuma atender empresas, escritórios, empreendedores e também o consumidor final. Faça uma analise de cada um desses perfis de clientes e análise qual o mix de produtos que cada um deles costuma levar. Dessa forma você vai ter informações mais claras, sobre qual mix de produtos comprar, como organizar, qual ação promover e principalmente como atender cada perfil de cliente.

5 – Falta de profissionalismo no atendimento 

Outro ponto que impacta diretamente na qualidade e quantidade de vendas é o relacionamento com o cliente, afinal, o atendimento fora dos padrões pode comprometer a imagem e o faturamento da sua loja de embalagens. 

Um mau atendimento gera clientes insatisfeitos com sua loja. Isso, além de poder aumentar a sua perda de clientes, pode fazer com que outras pessoas (potenciais clientes) deixem de adquirir o seu produto por conta da má fama da sua empresa.

Isso porque uma má experiência de um cliente geralmente afeta a percepção de outros consumidores, já que a famosa propaganda “boca a boca” negativa é bastante comum. Tenha em mente que o consumidor é o principal gerador de lucros, assim, tratá-lo bem é fundamental para o sucesso do negócio.

Dicas:

  • Faça treinamentos de atendimento ao clientes, aplique-os com sua equipe.
  • Não use gírias ou apelidos no momento do atendimento com o cliente.
  • Entenda qual o perfil do seu cliente antes de oferecer produtos que podem não fazer sentido para ele.
  • Preze sempre em oferecer uma boa experiência de compra para o seu cliente.
  • Acompanhe de perto o atendimento da sua equipe e promova a cultura do feedback mensal para obter melhorias.

6 – Não sabem todas as informações sobre os produtos ofertados em loja

É estranho pensar na quantidade de vendedores que não sabem informações relevantes a respeito dos próprios produtos. Há casos em que o próprio cliente tem mais noção do que seja o produto, do que o próprio vendedor.

Se isso acontece na sua loja, você já tem um dever de casa: estudar sobre as características e os benefícios que seus produtos e marcas podem proporcionar para ter ainda mais argumentos de venda. Só assim você consegue encantar seus consumidores e convencê-los a comprarem de você e não da concorrência. 

Dica:

Solicite um treinamento de produtos para os seus fornecedores e representantes de vendas sobre os produtos vendidos para sua loja. Dessa forma você assegura que você e seus colaboradores fiquem por dentro de todas as informações e diferenciais dos produtos que estão à disposição dos seus clientes em sua loja.

7 – Não acompanha indicadores de vendas e lucratividade da loja

Os Indicadores de vendas são ferramentas que auxiliam lojistas na hora de encontrar e monitorar problemas ou gargalos, além de fornecer relatórios que permitem a formulação de estratégias eficientes para um empreendimento. 

Quando você não acompanha esses dados, é como se você estivesse dirigindo no escuro: não há informações suficientes para a identificação de erros em seu negócio, ou dados que ajudem você a tomar decisões estratégias. Em outras palavras, os indicadores são fundamentais para o aumento das vendas já que auxiliam no controle gerencial e orçamentário e na avaliação da lucratividade real da loja. 

8 – Não tem um controle efetivo de estoque

O estoque da sua loja também está diretamente relacionado a quantidade e a qualidade das suas vendas. Quando você não administra bem o seu estoque, pode acabar desperdiçando desde o produto armazenado até o espaço físico.

Uma boa gestão de estoque vai garantir que você sempre terá os produtos chave na sua loja, sem que haja ruptura nas vendas.

E para te ajudar neste controle, nós criamos um conteúdo dedicado a Gestão de Estoque para Lojas de Embalagens, clique aqui e confira!

9 – Falta de divulgação

Não realizar divulgações da sua loja é uma falha muito comum e que impacta diretamente no aumento das suas vendas. Hoje tudo o que precisamos comprar vamos diretamente no Google ou em redes sociais para fazer pesquisas e buscar avaliações de lojas, e se a sua ainda não está nesses canais, está aí uma boa dica por onde você pode começar a realizar divulgações da sua loja e dos produtos. Além de ações como panfletagem nos pequenos negócios da sua região e que podem ser potenciais clientes da sua loja de embalagens, como restaurantes, food trucks, escritórios, escolas e pequenos empreendedores.

Ter uma conta nas redes sociais como Facebook e Instagram não vai custar nada para sua loja e será uma boa oportunidade para começar a divulgar as suas novidades. E isso vale também para o Google Meu Negócio que vamos falar mais abaixo!

manual do marketing digital para sua loja

10 – Não aproveitam dos meios digitais como Facebook e Instagram para promover seus produtos e atrair novos clientes

Aproveitar as redes sociais para a divulgação do seu negócio pode ser mais fácil do que você imagina: tudo começa com a definição do público-alvo para a definição também da rede social mais adequada. Assim, você vai poder criar uma comunicação que divulga a sua empresa e que também conversa com esse público.

Ebook - 10 passos para fazer sua loja de embalagens vender mais

11 – Não possuem o cadastro no Google Meu Negócio

Se você ainda não conhece, o Google Meu Negócio é uma ferramenta que facilita que sua loja de embalagens seja encontrada na Rede de Pesquisa do Google e do Google Mapas. Ela é excelente porque é gratuita e possui uma série de funcionalidades:

  • Você pode inserir e mostrar sua localização no Google Maps (incluindo um tour virtual pelo seu negócio e o traçado de rotas para o estabelecimento);
  • Acrescentar dados de contato, como endereço, e-mail, site e telefone;
  • Exibir o horário de funcionamento da loja e os horários de maior movimentação;
  • Expor as notas, reviews, e comentários de clientes;
  • Mostrar fotos internas da empresa;
  • Compartilhar perfis em outras redes sociais;

12 – Não inovam o mix de produtos

Finalmente, este é um ato muito nocivo ao negócio. Sabemos que acertar o mix de produtos ideal para um loja de embalagens nem sempre é missão fácil, e por isso muitos donos de lojas de embalagens tendem a concentrar seus esforços em apenas uma linha de produtos, esquecendo dos produtos desejados e lançamentos que surgem no mercado.

E pensando nisso, nós aqui da Vabene criamos uma página com uma linha de produtos que não pode faltar em sua loja de embalagens. Quer conhecer? CLIQUE AQUI.

Checklist produtos para loja de embalagens

Aproveite para ler: 8 PASSOS PARA INOVAR O SEU MIX DE PRODUTOS E VENDER MAIS!

Seja um Revendedor Vabene!

A sua loja tem cometido algum desses erros? O que você vai fazer a partir de hoje? 

POST A COMMENT